Black Friday: IDV elabora guia de boas práticas para a data de descontos

Black Friday: IDV elabora guia de boas práticas para a data de descontos

O guia elaborado pelo IDV para a Black Friday, e compartilhado com os Procons do Brasil, está repercutindo na mídia. Confira:

O Instituto para Desenvolvimento do Varejo (IDV) desenvolveu um guia de boas práticas sugeridas pelos seus associados para serem implementadas durante a Black Friday, que acontece dia 27 de novembro. O material foi compartilhado com os Procons do Brasil, que o colocará à disposição de todas as unidades pelo País.

A Black Friday se tornou uma data importante para o varejo brasileiro, e a maior preocupação das empresas é garantir um bom atendimento, com segurança sanitária, neste momento de pandemia.

Por esta razão, neste ano, o IDV recomenda que haja uma atenção especial às lojas físicas, que devem seguir todos os protocolos de higiene e evitar aglomeração. As empresas associadas ao IDV disponibilizarão, durante o horário de funcionamento do estabelecimento para a Black Friday, atendimento ao consumidor, buscando satisfazer sua experiência de compra.

Os produtos participantes da ação estarão identificados nas lojas e nos materiais de comunicação. As empresas também se comprometem a seguir as orientações do Procon, do Código de Defesa do Consumidor (CDC) e a capacidade de percentual de pessoas permitida em cada município, além de protocolos importantes implantados durante a pandemia visando à segurança de funcionários e clientes.

Atendimento 24 horas

Com relação ao comércio eletrônico, os associados do IDV se comprometem a fornecer Serviço de Atendimento ao Consumidor (SAC) adequado, 24 horas (da meia-noite até às 23h59), durante o dia 27 de novembro por chat, nas principais redes sociais ou por telefone. Excepcionalmente, algumas empresas, por conta do baixo volume de contatos, terão o atendimento com resposta de até 12 horas.

Outro compromisso é ter infraestrutura reforçada para melhor estabilidade do site, buscando evitar a ocorrência de oscilações decorrentes do grande volume de acessos. Elas também vão sinalizar os produtos que participam da Black Friday, reforçando que não são todos os produtos do site; comunicar a restrição de estoques, pois são limitados; e orientar quanto aos prazos de entregas de forma ostensiva, entre outras medidas.

As empresas proprietárias do site ou da plataforma de marketplace identificarão, de forma clara, quando a oferta é de um produto próprio ou oferecido diretamente pelos vendedores terceiros.

Todas as empresas associadas ao IDV têm como itens fundamentais somente aceitar clientes com máscaras, disponibilizar máscaras para funcionários, disponibilizar álcool em gel, envelopar com plástico-filme equipamentos de contato constante, promover o distanciamento entre pessoas, reforçar a higienização, comunicar sobre cuidados para funcionários e clientes, distribuir máscaras acrílicas para operadores de caixa ou proteção de acrílico entre cliente e operadores de caixa, ter um cuidado maior de higiene com produtos trocados e higienizar o local do carrinho de compras onde colocam-se as mãos. O guia completo pode ser acessado aqui.

Fonte: Mercado & Consumo
Imagem: Reprodução